logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

“Desculpa, Frade, eles não sabem o que fazem”

Numa fase em que são mais as dúvidas do que as certezas quanto ao futuro do Andebol Europeu no panorama nacional (e internacional), há cada vez mais a certeza de que a geração de 1998 está repleta de jovens jogadores com qualidade tremenda.

Esta afirmação ganhou ainda mais sentido depois de no passado dia 9 de julho o portal de andebol Handball Planet ter anunciado que Luis Frade vencera o concurso para eleger o melhor jovem andebolista do mundo na época 2019/20. Esta eleição foi realizada através dos votos de jornalistas e de visitantes do site.

No entanto, as boas notícias não ficam por aqui, já que Luís Frade também foi eleito o melhor pivot, juntamente com Diogo Silva, que foi eleito melhor lateral-direito. De realçar, ainda, que André Gomes ficou em segundo lugar na eleição de melhor lateral-esquerdo. Vamos, então, entender como estes jovens chegaram até aqui e o que ainda nos podem oferecer.

Há mais de dez anos a virar frangos nas balizas do Andebol, adepto ferrenho do Benfica e alentejano. O Andebol é com ele.                                                                                                                                                 O Pedro escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Há mais de dez anos a virar frangos nas balizas do Andebol, adepto ferrenho do Benfica e alentejano. O Andebol é com ele.                                                                                                                                                 O Pedro escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA