O dia 12 de Agosto de 2018 será um dia que poucos amantes do Atletismo esquecerão. Foi o último dia dos Europeus de Berlim e proporcionou a primeira medalha de Ouro dos campeonatos a Nelson Évora no Triplo Salto, comprovou-nos a força britânica na velocidade com duas contundentes vitórias nas Estafetas, mostrou-nos o domínio de Laura Muir e Sifan Hassan na meio fundo e no fundo e deu o quarto Ouro consecutivo a Anita Włodarczyk no Martelo. No entanto, há uma prova em especial que poucos conseguirão tirar da memória: a final do Salto Com Vara. Nesse dia, Armand Duplantis mostrou aos adeptos mais casuais do desporto aquilo que a maioria de nós já tinha dado conta. Ele está destinado a fazer história. Aliás, já a começou a escrever.

1
2
3
4
Artigo anteriorDe Viseu para as quadras nacionais
Próximo artigoO que é preciso fazer para acordar o adormecido?
O Pedro é um amante de desporto em geral, passando muito do seu tempo observando desportos tão variados, como futebol, ténis, basquetebol ou desportos de combate. É no entanto no Atletismo que tem a sua paixão maior, muito devido ao facto de ser um desporto bastante simples na aparência, mas bastante complexo na busca pela perfeição, sendo que um milésimo de segundo ou um centimetro faz toda a diferença no final. É administador da página Planeta do Atletismo, que tem como principal objectivo dar a conhecer mais do Atletismo Mundial a todos os seus fãs de língua portuguesa e, principalmente, cativar mais adeptos para a modalidade.                                                                                                                                                 O Pedro escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.