Anterior1 de 5Próximo

Quem diria que num ano (surpreendentemente) de elevadíssimo nível, iríamos ter a 16 de setembro aquele que será, provavelmente, o dia mais marcante do ano para o Atletismo? Não quero ser desonesto comigo próprio: a nível internacional, vimos coisas fantásticas este ano, a começar pela fantástica temporada indoor, por resultados assombrosos nos Universitários Norte-Americanos, por uma Diamond League toda ela de elevadíssimo nível (sim, no Mónaco tivemos provavelmente o melhor meeting da história), vimos aqueles que foram uns dos melhores Campeonatos Europeus da história e o aparecimento de novas estrelas um pouco por todas as disciplinas.

A nível nacional, também tivemos surpreendentes marcas, o aparecimento de novas estrelas e a subida de patamar para muitos dos nossos valores mais emergentes. É difícil escolher o que foi o melhor num ano em que muitos (os mesmos de sempre, os que adoram falar mal e prognosticar o cataclismo a cada canto) diziam que seria terrível para o Atletismo (o primeiro sem Bolt, sem Farah em pista, sem eventos globais).

Mas o dia de ontem ficará, indubitavelmente, na história da modalidade, pela queda de vários recordes e todos eles com alguma surpresa à mistura – seja pelas marcas obtidas, seja pelos protagonistas em alguns casos. E ainda tivemos também direito a uma enorme marca nacional numa disciplina que estava também a precisar de algo assim. Seria difícil pedir melhor!

Anterior1 de 5Próximo

Comentários

Artigo anteriorForça da Tática: Ronaldo voltou ao passado contra um US Sassuolo de futuro
Próximo artigoWWE Hell in a Cell: Vamos esquecer isto…
O Pedro é um amante de desporto em geral, passando muito do seu tempo observando desportos tão variados, como futebol, ténis, basquetebol ou desportos de combate. É no entanto no Atletismo que tem a sua paixão maior, muito devido ao facto de ser um desporto bastante simples na aparência, mas bastante complexo na busca pela perfeição, sendo que um milésimo de segundo ou um centimetro faz toda a diferença no final. É administador da página Planeta do Atletismo, que tem como principal objectivo dar a conhecer mais do Atletismo Mundial a todos os seus fãs de língua portuguesa e, principalmente, cativar mais adeptos para a modalidade.                                                                                                                                                 O Pedro escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.