Anterior1 de 2Próximo

2020 trouxe consigo um novo torneio entre países. Coube à Austrália acolher esta primeira edição da ATP Cup que chegou hoje ao fim.

No total, participaram 24 nações, mas só duas conseguiram chegar à grande final. A Sérvia e a Espanha acabaram por se superiorizar face aos seus adversários e enfrentaram-se no jogo do título. Vamos então recordar o percurso de ambas as seleções na competição:

SÉRVIA

Fase de grupos: 1.º classificado do Grupo A (Três jogos – Três vitórias)

Anúncio Publicitário

Quartos de final:  Sérvia 3-0 Canadá

Meia-Final: Sérvia 3-0 Rússia

A Sérvia apresentou-se em grande forma na ATP Cup. Com Novak Djokovic na equipa, os tenistas sérvios não tiveram problemas em garantir a primeira posição do seu grupo, que incluía a França, a África do Sul e o Chile. Mas não se ficariam por aqui. Nos quartos de final, nova vitória, desta vez diante do Canadá. Nem mesmo a poderosa Rússia foi capaz de tirar a Sérvia da final.

A Sérvia não sofreu qualquer derrota nas nove partidas que realizou até à final
Fonte: ATP Cup

A presença do antigo líder do ranking ATP contribuiu, e muito, para os sucessivos triunfos registados pela Sérvia na fase mais avançada do torneio. Destaque para as vitórias de Novak Djokovic, em singulares, diante de Denis Shapovalov e Daniil Medvedev.

ESPANHA

Fase de Grupos: 1.º classificado do Grupo B (Três Jogos – três Vitórias)

Quartos de Final: Espanha 2-1 Bélgica

Meia-Final: Espanha 3- 0 Austrália

Tal como o seu oponente, a Espanha também selou a passagem aos quartos de final sem nenhum deslize na fase de grupos. As vitórias diante do Japão, Geórgia e Uruguai permitiram à equipa de Rafael Nadal manter-se na competição.

A eliminatória diante da Bélgica revelou-se mais complicada. David Goffin colocou a equipa belga em boa posição para passar, após vencer Rafael Nadal. Porém, as vitórias de Bautista-Agut em singulares e Carreno Busta e Rafael Nadal a pares concretizaram a reviravolta.

Bautista-Agut esteve em bom plano e ajudou o seu país a chegar à final
Fonte: ATP Cup

A um passo da grande final, a Espanha defrontou a forte seleção da Austrália que contou com Kyrgios e De Minaur. Os tenistas da casa causaram grandes problemas à seleção espanhola, no entanto os resultados não acompanharam a boa prestação durante o torneio e foi mesmo a Espanha a celebrar.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários