4.

Fonte: SL Benfica

Branimir Kalaica – O central croata de 21 anos chegou a ter oportunidades – escassas – sob o comando de Rui Vitória, mas ainda não lhe foi oferecida nenhuma por parte de Bruno Lage. O treinador terá as suas razões, mas a não aposta num defesa-central maduro, com qualidade, com golo, com capacidade de liderança, com capacidade de construção numa fase em que as opções para a posição escasseiam no plantel principal, é bastante surpreendente.

Neste momento, Kalaica estará já a amargurar na equipa B encarnada. A Segunda Liga não é já o contexto competitivo ideal para a continuação do crescimento do jovem jogador. Mais do que merecer, o croata precisa de dar o salto definitivo para a equipa A. Não será nos Bês que o central crescerá mais técnica, tática ou emocionalmente.

Apesar de alinhar, habitualmente, pela direita do eixo da defesa na segunda equipa, acredito que Kalaica seria capaz de gladiar pelo lugar de Ferro, com o português e sair vencedor dessa batalha. A cruel verdade é que essa batalha não se afigura provável, visto que Bruno Lage parece ter estabelecido que, na hierarquia de centrais da formação, Morato surge na dianteira, ainda que não tenha a maturidade competitiva do croata.