sl benfica cabeçalho 1

Esta semana venho com uma e uma só intenção: ajudar o Benfica. Sim, numa altura em que o clube não atravessa uma boa fase e as exibições da equipa são inconstantes é meu dever, como benfiquista dedicado, colocar-me ao serviço do clube. Não, não iriei falar da situação legal, mas sim daquilo que me parecem ser os reforços necessários para a próxima temporada.

Tendo em conta a atual política do clube (receber muito, não ter a certeza de quanto é que foi recebido devido aos negócios com agentes e gastar pouco) encontrei umas quantas soluções dentro do nosso mercado que me parecem ser de mais-valia para o Benfica.

Comecemos pela baliza. Charles. Guarda-redes do Marítimo que está a realizar uma excelente época ao serviço dos insulares. É verdade que Bruno Varela está a melhorar e que Svilar é um miúdo com futuro, mas não chega. É preciso alguém que transmita segurança e dê uns ares de Ederson. Charles tem isso. Calma, isto não é nenhuma barbaridade. O brasileiro é provavelmente dos guardiões com mais eficácia esta temporada. A cumprir a terceira temporada no nosso campeonato, Charles tem escola no Cruzeiro e no Vasco antes de chegar à Madeira. Dada a capacidade financeira, existente ou inexistente, do Benfica, acredito que por um bom preço possa ser adquirido.

Para a defesa prevejo que sejam necessários dois reforços, um central e um lateral-esquerdo. Para o lado esquerdo Diego Carlos. Este brasileiro foi para França representar o Nantes depois de uma época de estreia o serviço de Sérgio Conceição onde realizou 42 jogos.

Anúncio Publicitário
Diego Carlos poderá ser uma boa solução para o lado Fonte: FC Nantes
Diego Carlos poderá ser uma boa solução para o lado esquerdo da defensiva encarnada
Fonte: FC Nantes

Esta temporada com Rainieri no comando técnico soma 22 partidas e 2 golos. É regular, consistente e uma das peças daquela que vai sendo uma das revelações na Ligue 1. Também com formação carioca, Diego Carlos tem como ponto a seu favor o facto de conhecer o nosso campeonato. Dada a profundidade e boa capacidade de recuperação, é bom no capítulo defensivo e ofensivo. Não é Grimaldo, mas pode vir a ser.

Zona central é sinónima de Raúl Silva, central que esta temporada tem estado ao serviço de Abel Ferreira no SC Braga. Antes que o digam, não, não estou a formar uma espécie de linha C da selecção brasileira. A verdade é que Raúl Silva, com 28 anos, é perfeito para um Benfica que procura ter uma dupla ao nível de Luisão e David Luiz. Até ver já conta com 7 golos feitos esta temporada, logo, é o clássico central com veia goleadora. Com o crescimento que Rúben Dias tem tido, uma parceria com este brasileiro seria benéfica para o Benfica. Agora, ao contrário de anteriores negócios com o Braga, este não pode custar 15 milhões e ficar no banco.