2.

A mudança de Jorge Jesus para Alvalade fez correr muita tinta no final da época 2014/2015
Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

Mudança de Jorge Jesus do SL Benfica para o Sporting CP: Uma transferência que causou grande alvoroço no início de junho de 2015, e que ainda nos dias de hoje é motivo de conversas entre benfiquistas e sportinguistas, volvidos quase cinco anos desta mudança.

Acabado de conquistar o bicampeonato em maio desse ano, Jorge Jesus era visto como “O Salvador” nas hostes encarnadas, mas a sua renovação era um assunto que já fazia correr alguma tinta na imprensa desportiva e não era 100% certo que o técnico português iria manter-se à frente do SL Benfica.

Após muitos avanços e recuos, a “bomba” do mercado explode no dia 4 de junho: o treinador muda-se da Luz para Alvalade, soltando a euforia nos adeptos leoninos pela jogada que causou uma enorme revolta nas águias. O que de facto aconteceu entre o dia 17 de maio – dia em que o Benfica conquista a Liga em Guimarães – e o dia 1 de julho de 2015, data da apresentação de JJ em Alvalade? É uma pergunta que ainda não tem uma resposta clara com os verdadeiros factos que estiveram na origem da mudança que veio aumentar ainda mais a rivalidade entre os dois clubes lisboetas.