WEC 6h Fuji: Toyota torna-se campeã em casa

    modalidades cabeçalho

    Na última madrugada, a Toyota venceu as 6h de Fuji e chegou ao título mundial de construtores, depois de terminar a corrida com um duplo pódio. O Porsche #6 terminou em terceiro lugar depois de liderar mais de metade da corrida. Nos LMP2, foi o WRT #41 que venceu à categoria, seguido pelo United Autosport #22 de Filipe Albuquerque, que também liderou grande parte da corrida, sendo seguidos pelo outro WRT, o #31. Para finalizar, nos GTE AM, a vitória foi para o AF Corse #54; em segundo terminou o Kessel Racing #57 e a fechar o pódio o Corvette #33.

    VENCEDORES

    Toyota Gazoo Racing

    Com um começo de corrida atribulado, ambos os carros da equipa japonesa caíram vários lugares. Porém, como equipa dominadora da categoria, a duas horas do final, conseguiram recuperar a liderança da corrida e o segundo lugar, deixando o Porsche #6 para trás, mas sem grandes ameaças. Conquistaram o título de campeões de equipas, faltando só conquistar o de pilotos. Uma temporada marcante e que poderá ser o último domínio, com a entrada e melhoras das equipas para 2024.

    Porsche Penske Motorsport #6

    Aproveitou bem a confusão da primeira curva e manteve-se na liderança da corrida por mais de quatro horas. Foram reportados alguns problemas durante a sua liderança e foi dos primeiros hipercarros a parar nas boxs. Apesar das boas defesas e de manter vivo o sonho de vencer a corrida, os Toyota conseguiram as ultrapassagens, deixando-o no último lugar do pódio, sem grande competição atrás. Hypers saem todos de frente na primeira curva

    W Racing Team

    Com ambos os carros a terminarem dentro do pódio, a WRT conseguiu chegar à vitória depois de uma ultrapassagem nos momentos finais da corrida, deixando o antigo líder caído em segundo. É a segunda vitória do #41 e estende assim a sua liderança no campeonato.

    AF Corse #54

    Foi a primeira vitória para o carro #54 da AF Corse. Conseguiu esse feito depois de uma má paragem do Corvette #33 e assumiu a liderança da classe. Com o primeiro lugar nesta corrida, sobe a terceiro no campeonato, a seis ponto do segundo lugar que pertence às Iron Dames #85.

    DERROTADOS

    Ferrari AF Corse

    Os Ferrari não estiveram presentes nesta corrida como seria expectável. Terminaram fora do pódio e a uma volta do primeiro lugar. Não havia ritmo tanto no #50 como no #51. Apesar das lutas com o Hertz Team Jota e com as defesas sobre os Toyota, não foi suficiente para, pelo menos marcarem lugar no pódio.

    Cadillac Racing

    Um simples problema com um pneu gerou o término da corrida em décimo lugar. A Cadillac estava a fazer um bom trabalho até que uma má paragem fez com que perdesse várias posições e não conseguisse recuperar muito mais. Uma exibição aquém daquilo que já nos demonstraram antes.

    PREMA Racing

    Apesar de toda a luta, a PREMA não foi além de oitavo e décimo. Uma má corrida onde ambos os carros não conseguiram mostrar o que realmente valem, como andaram a fazer nas últimas corridas. Espera-se uma melhora para a última corrida e que regressem às boas exibições.

    A próxima e última corrida será dia 4 de novembro no Bahrain

    - Advertisement -

    Subscreve!

    Artigos Populares

    Roger Schmidt: «Eles não criaram chances»

    Roger Schmidt já reagiu ao desafio entre o Benfica...

    Florentino Luís: «Não tivemos o futebol dos últimos jogos»

    Florentino Luís já reagiu ao desafio entre o Benfica...

    Conference League: eis os resultados desta quinta-feira

    A Liga Conferência já não tem treinadores portugueses com...
    Ana Catarina Ventura
    Ana Catarina Venturahttp://www.bolanarede.pt
    Esta é a Ana Catarina. Apaixonou-se pela Fórmula 1 com 14 anos e a partir desse momento, descobriu o mundo do desporto motorizado. Graças a isso, seguiu o caminho do jornalismo até se licenciar em Jornalismo e Comunicação, na capital do Alto Alentejo.