logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

João Sousa

A montanha-russa chamada João Sousa | Ténis

OPEN DA MALÁSIA

Nada melhor que começar pelo sítio onde João Sousa alcançou o seu primeiro título ATP. O ano de 2013 e a cidade de Kuala Lumpur irão sempre ficar marcados, de forma única e particular por representarem a primeira conquista para o ténis nacional. Foi nesta bela cidade que o tenista português alcançou, não só o seu primeiro título ATP de sempre, mas também uma entrada nos 50 melhores tenistas do mundo. Creio que será um momento que marcará para sempre o ténis nacional, não só pelo que representa, mas também pela forma como foi alcançado. Numa batalha épica, o tenista vimaranense salvou diversos match points para bater o então finalista Julien Benneteau pelos parciais de 2-6, 7-5 e 6-4.

Curiosidade: Antes de chegar à final, o tenista português já tinha batido David Ferrer que era na altura número quatro do ranking ATP.

Duas são as paixões que definem o Duarte: A Comunicação e o Desporto. Desde muito novo aprendeu a amar o desporto, muito por culpa dos intervenientes que o compõem. Cresceu a apreciar a mestria de Guardiola, a valentia de Rossi e a habilidade de Hamilton, poder escrever sobre estes é algo com que sempre sonhou.

Duas são as paixões que definem o Duarte: A Comunicação e o Desporto. Desde muito novo aprendeu a amar o desporto, muito por culpa dos intervenientes que o compõem. Cresceu a apreciar a mestria de Guardiola, a valentia de Rossi e a habilidade de Hamilton, poder escrever sobre estes é algo com que sempre sonhou.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA