ÚLTIMA HORA:

10 campeões surpresa nos últimos 10 anos

7. AZ Alkmaar FC – 2008/09

Primeiro campeonato da história do AZ teve Van Gaal (dir.) como obreiro Fonte: AZ
Primeiro campeonato da história do AZ teve dedo de Van Gaal (dir.)
Fonte: AZ

Era um clássico. O favorito a ganhar qualquer edição da Eredivise estava sempre entre o trio Ajax-Feyenoord-PSV e era na escolha de um dos três que casas de apostas pagavam menos por valor apostado. Não só por ser quem habitualmente erguia o título, mas também pelo fluxo de dinheiro que entrava em cada um destes nomes para vencer a Liga Holandesa.

2008/2009 não começou de forma diferente. Afinal, o PSV era tetracampeão, praticava futebol convincente e tinha melhor equipa que os rivais. O Ajax fazia um esforço para regressar ao título que lhe fugia há 5 temporadas. O Feyenoord partia por fora. Havia outros, há sempre os outros, mas nunca se pensa que os outros consigam superar os grandes. Sobretudo num país como a Holanda, que desde 1964 não tinha tido “outro” campeão além dos três referidos.

Passados 45 anos, a normalidade passou a ser relativa. O AZ Alkmaar, apesar de já ter disputado uma meia-final europeia, estava longe de ambicionar algo mais para além de uma qualificação para as provas continentais, mesmo com o reforço do corpo técnico (Louis Van Gaal assumiu o comando), porém, não só foi campeão como ainda conseguiu ser muito superior aos seus adversários, acabando a época com mais de 10 pontos de diferença para todos os rivais “directos”: Twente ficou a 11, Ajax a 12, PSV a 15 e o Feyenoord a…35!

A campanha do AZ foi, portanto, diluindo a surpresa e quando se sagrou campeão não foi um choque assim tão grande para o mundo. Porém, é mais do que assinalável e surpreendente a forma como a equipa orientada por Van Gaal se impôs às que tinham os poderes instaurados na Eredivise, quebrando um ciclo de quatro décadas.

Munir El Madaoui foi a figura da equipa, sagrando-se melhor marcador da Eredivise, com 23 tentos apontados (mais de um terço dos da equipa), mais um que Luis Suárez.

Nesta equipa, figuravam ainda nomes como os de Sergio Romero (agora no Manhcester United), Grazziano Pelle (Southampton), Mousa Dembélé (Tottenham) ou Stjin Schaars (ex-Sporting).

Componente 5 – 1 (1)

Enquanto a França se sagrava campeã do mundo de futebol em casa, o pequeno Pedro já devorava as letras dos jornais desportivos nacionais, começando a nascer dentro dele duas paixões, o futebol e a escrita, que ainda não cessaram de crescer.                                                                                                                                                 O Pedro não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Enquanto a França se sagrava campeã do mundo de futebol em casa, o pequeno Pedro já devorava as letras dos jornais desportivos nacionais, começando a nascer dentro dele duas paixões, o futebol e a escrita, que ainda não cessaram de crescer.                                                                                                                                                 O Pedro não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

FC PORTO vs CD TONDELA

  • 00DIAS
  • 00HORAS
  • 00MINUTOS
  • 00SEGUNDOS
FC PORTO x ESTORIL PRAIA
SPORTING CP x SANTA CLARA
PAÇOS FERREIRA x SL BENFICA