4.º – José Henrique

Fonte: SL Benfica
Fonte: SL Benfica

José Henrique regressou ao Benfica em 1966 – havia feito parte da equipa de juniores do clube –, depois de passagens pelo Amora, Seixal e Atlético. O eterno Costa Pereira era já um veterano e o jovem José Henrique, conhecido no mundo do futebol por “Zé Gato”, pela sua notável agilidade felina, dava mostras de poder ser o seu sucessor, o que se veio a confirmar logo na época seguinte.

José Henrique foi guarda-redes do Benfica durante 13 épocas (1966-1979), titular indiscutível em nove (a partir de 1973 alternou a titularidade com Bento; até lhe passar totalmente o testemunho), vencendo oito campeonatos e três Taças de Portugal. Esteve ainda presente numa final da Taça dos Campeões Europeus (derrota 4-1, com Manchester United, após prolongamento).

Representou o Benfica em 296 ocasiões e foi internacional por Portugal 15 vezes. Após sair do Benfica, representou ainda Nacional (1979-1981) e terminou a carreira no Sp. Covilhã, em 1981/1982, na qualidade de treinador-jogador (disputou apenas dois jogos). Mais tarde, regressou ao Benfica para integrar a estrutura do clube.