HÓQUEI EM PATINS

A Figura do Ano – Masculino

Fonte: FPP

Ângelo Girão – Esteve em grande tanto a representar o seu clube, o Sporting CP, como a representar a seleção portuguesa. Foi o grande herói em três conquistas que foram históricas este ano: o Mundial com Portugal, a Liga Europeia e a Taça Continental com o Sporting CP. As defesas que fez proporcionaram emoções indescritíveis nos muitos amantes de Hóquei em Patins. Mostrou estar, novamente, um nível altíssimo como sempre nos tem habituado durante as diversas épocas que já vimos do guarda-redes português.

A Figura do Ano – Feminino

Fonte: Carlos Silva/Bola na Rede

Marlene Sousa – Mais um ano a um nível excelente e também mais um ano que é a melhor marcadora do campeonato. 64 golos (2016/17), 90 golos (2017/18) e 62 golos (2018/19) foi o registo da jogadora no que toca à finalização. Conseguiu, juntamente com a sua equipa – SL Benfica, conquistar tudo aquilo que havia para conquistar em Portugal (Supertaça, Campeonato e Taça de Portugal) e ainda mantêm um recorde de sete títulos consecutivos conquistados. Um nível de invencibilidade incrível em Portugal. Este ano, a jogadora encarnada está na liderança das melhores marcadoras com o mesmo número de golo que a sua companheira de equipa Maria Sofia Silva (41 golos).

O Momento do Ano

Anúncio Publicitário
Fonte: FPP

Portugal campeão do Mundo – Foi preciso esperar 16 anos, mas aconteceu mesmo! Depois da derrota no Europeu de 2018 frente à Espanha, voltámos no ano seguinte a território espanhol para que se fizesse história na modalidade. Numa trajetória de muito sofrimento e que deixou muitos colados a todos os ecrãs, no fim, a taça voltou mesmo para Portugal. As decisões em grandes penalidades no jogo da Itália (Quartos de Final) e depois contra a Argentina (Final) revelaram um herói: Ângelo Girão. Mas temos de dar mérito a toda a equipa que muito lutou para conseguir de novo este feito passado tanto tempo. A glória foi portuguesa.

João Barbosa